Uber é lucrativo? Descubra se vale a pena ser um motorista parceiro

Uber é lucrativo

Quem perdeu o emprego ou busca uma alternativa para obter renda extra, certamente já pensou em se tornar um motorista Uber.

Oferecendo a oportunidade de trabalhar pelas ruas da cidade com o seu carro após um cadastro rápido e simplificado, nos horários que você puder e quiser, e sugerindo a possibilidade de ganhos de até R$ 7.000,00 por mês, o Uber tem atraído diversas pessoas interessadas em ser parceiras da empresa.

É fato que condições tão atrativas despertam interesse e curiosidade, mas será que é verdade? Trabalhar como motorista Uber é lucrativo mesmo? Descubra a seguir.

Como o Uber funciona?

Antes de avaliar essa nova fonte de renda que surgiu nos últimos anos no Brasil, é importante entender como o Uber funciona para os motoristas parceiros.

Para começar você precisa ter um carro – pode ser seu, de terceiros ou alugado – e que atenda os requisitos mínimos do Uber, um smartphone compatível com o aplicativo e um plano de internet para celular.

O processo de cadastramento é bem simples, basta preencher um formulário no site do Uber, anexar uma cópia digital dos documentos exigidos e aguardar a aprovação e o contato da empresa. Todo o processo é bem rápido e em poucos dias já é possível estar online, rodando nas ruas e recebendo chamados para corridas.

No Brasil, existem duas categorias de carros da empresa, o UberX e o UberBLACK e a diferença está no conforto oferecido ao passageiro. No UberX aceita-se veículos a partir de 2008, já na  categoria UberBLACK os carros devem ser sedans ou SUVs, na cor preta, com bancos de couro e fabricados a partir de 2010.

A porcentagem de comissão que o Uber retira do valor total da sua corrida varia de acordo com a categoria em que seu veículo se enquadra. Para UberX, a comissão é de 25% e para UberBLACK é de 20%. O pagamento é feito semanalmente, direto na conta do motorista.

Na ponta do lápis: quais são os gastos envolvidos?

Se você se empolgou com a ideia, é hora de fazer as contas, pois também existem gastos envolvidos na parceria com o Uber.

Para começar, é importante saber que todos os custos que envolvem o carro são por sua conta. Conheça quais são eles:

  • IPVA;
  • Documentação;
  • Possíveis multas;
  • Seguro do carro e APP (Acidente Pessoal de Passageiro);
  • Manutenção frequente (desgaste, troca de peças, troca de óleo e de pneus);
  • Limpeza e higienização semanal, afinal o carro deve estar sempre em bom estado;
  • Combustível.

Além dos gastos com o carro, também existem despesas relacionadas ao trabalho em si. São eles:

  • Aquisição de smartphone, carregador e suporte para carro;
  • Contratação de plano de pacote de dados, afinal, você precisará estar online no aplicativo;
  • Água e balas oferecidas aos passageiros;
  • Alimentação fora de casa.

Afinal, trabalhar como motorista Uber é lucrativo?

A resposta é depende, pois seus ganhos dependerão muito de quantas horas você trabalha, dos seus gastos e organização financeira.

De acordo com o Uber, as estimativas de ganhos dos motoristas parceiros, com base em uma semana de seis dias para turno normal (de 7 a 9 horas por dia e boa avaliação dos clientes) têm como receita líquida, R$ 1.085,00 por semana e R$ 4.340,00 por mês. Já motoristas que fazem cerca de 10 a 12 horas por dia, e que recebem excelente avaliação dos clientes, chegam a ter receita líquida de R$ 1.750,00 por semana, e até R$ 7.000,00 por mês.

No entanto, essas estimativas podiam ser reais quando o serviço chegou ao Brasil. Naquela época, ainda não havia muitos motoristas nas ruas, o que garantia uma boa demanda de viagens por dia e evitava que os motoristas ficassem “rodando” sem passageiros.

Mas atualmente, com um grande número de motoristas nas ruas, a demanda por viagens ficou menor e consequentemente, os ganhos dos motoristas foram impactados. Além disso, novos aplicativos surgiram na praça oferecendo o mesmo serviço a preços similares ao Uber, gerando concorrência em um mercado antes dominado pela empresa americana.

Hoje em dia, motoristas do Uber afirmam que trabalhando duro, cerca de 10 horas por dia, de segunda a sábado, é possível faturar algo entre R$ 2.000,00 a R$ 3.000,00 líquidos.

Para alguns motoristas, atualmente o aplicativo não é mais tão lucrativo quanto antes e o que se ganha hoje não vale o esforço do trabalho. Mas para outras pessoas, principalmente para quem passa por alguma dificuldade financeira, ter ganhos mensais de R$ 2.000,00 a R$3.000,00 já ajuda bastante no orçamento e para elas o trabalho com o Uber é lucrativo.

Seja qual for a sua situação e opinião sobre o assunto, se você resolver aproveitar essa oportunidade, a dica é controlar bem os gastos e se organizar de forma inteligente. Algumas formas de faturar mais é pensar de forma estratégica, estando em regiões e horários onde há mais demanda de viagens, ficando atento sobre eventos na cidade onde trabalha, entre outros.

Se você curtiu o nosso artigo, está interessado nesta oportunidade e quer saber mais sobre o assunto, leia nosso post sobre como virar um motorista Uber.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply